Crescimento de pagamentos digitais e o fim da dependência das cédulas

O avanço da tecnologia contribuiu para novidades nas atividades comerciais e também estabeleceu novos ambientes para que os pagamentos possam acontecer com mais celeridade. Em meio a isso, a preferência dos brasileiros e empresas por meios digitais de pagamento vem superando a utilização de transações com dinheiro físico.

Durante a pandemia, a realização de movimentação financeira à distância foi uma necessidade imposta e acabou se tornando o padrão na volta à normalidade. A introdução de pagamentos instantâneos, como o Pix e soluções de pagamentos criadas por empresas, criaram comodidade tanto para as instituições quanto para os clientes, resultando na utilização maciça desses métodos.

De acordo com o relatório feito pelo Banco Central, o sistema de transferências instantâneas, Pix, foi o meio de pagamento mais utilizado no ano passado, com cerca de 29% das transações, superando o volume de 19% em 2021. Em outubro de 2023, o Pix bateu a marca de mais de 160 milhões de movimentações realizadas no Brasil, indicando a sua preferência por todos os brasileiros.

Ao encontro dessa informação, em pesquisa realizada pela Fundação Getúlio Vargas, os brasileiros estão tendo maior contato com a tecnologia, chegando a atingir a marca de 464 milhões de aparelhos como computadores, notebooks e smartphones utilizados, refletindo com os dados do IBGE, o aumento de pessoas com acesso à internet próximo à 87,2 em 2022 – salto de quase 21,1 pontos nos últimos seis anos.

A configuração de um sistema único e integrado, diminuindo a dependência do dinheiro físico, parece ser uma realidade para se adotar em empresas. Em pesquisa recente realizada pela Visa, foi apontado que 58% das pequenas empresas brasileiras estão se preparando para a transição das operações sem o uso do papel-moeda nos próximos dois anos. Também foi informado que 92% dos empresários pretendem ter seus negócios de maneira totalmente digital.

Os principais argumentos para o momento de alteração de rota são relacionados à segurança (fácil rastreabilidade e diminuição de fraudes), assim como possibilidades de aumento de vendas e a redução de custos das atividades.

O Brasil está se notabilizando para a digitalização dos métodos de pagamento e existem tentativas de diminuir a dependência do papel-moeda, como projetos na Câmara dos Deputados. A usabilidade e aplicação dos pagamentos digitais tornaram-se rotina nas grandes capitais, facilitando o hábito de consumo e recebimento do dinheiro de estabelecimentos e empresas.

Aproveite as soluções de pagamentos para o seu cartório!

Para estabelecimentos do setor notarial e extrajudicial, a movimentação em torno dos pagamentos digitais está encaminhando para os processos de modernização nos últimos anos. Por isso, todo processo é feito para aumentar a arrecadação e estabelecer tendências para os clientes das serventias.

Com a Parcela Express, seus clientes têm a opção de pagar por links de pagamento, cartão de débito, cartão de crédito com parcelamento em até 12x, boleto híbrido, boleto com QR Code e Pix por QR Code. Além disso, você ainda conta com maquininha com acessibilidade para todas as principais bandeiras e taxas únicas.

Comece a receber com o Parcela Express agora